Mourão elogia atuação de Pazuello na CPI: “Foi firme, seguro; nada sem resposta”

Vice-presidente da República e general do Exército Brasileiro, Hamilton Mourão se pronunciou sobre a atuação do também general da Força Terrestre, Eduardo Pazuello, em seu depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia.

Segundo Mourão, o ex-ministro da Saúde não deixou nada sem resposta, falou a verdade e demonstrou segurança diante do interrogatório, o qual foi dividido em dois dias por decisão do presidente da CPI, senador Omar Aziz.

“[Pazuello] Apresentou as razões dele, aí tem aquele contraponto de sempre: ‘ah, está mentindo, está isso, está aquilo’. Isso faz parte do dia a dia da CPI. Eu acho que o Pazuello foi firme, seguro e não deixou nada sem resposta”, afirmou Mourão para jornalistas na manhã de hoje (21).

O vice-presidente ainda destacou o seu relacionamento pessoal com Pazuello, argumentando que isso também o leva a crer que o general não mentiu durante o depoimento. “Eu conheço o Eduardo Pazuello já há bastante tempo. Não tenho ele como um mentiroso. Para mim, ele falou a verdade”, concluiu. Veja também:

Forças Armadas alertaram os senadores da CPI que Pazuello iria depor como general